DESEMBOLOTAR

...

sábado, 13 de março de 2010

SER ESPECIAL

Quando amamos verdadeiramente deixamos de ser egoístas, deixamos de viver a nossa vida para

vivermos a vida do outro

pois a vida do outro passa a ser mais importante

que a nossa.

A distância passa a não existir, porque mesmo que estejamos longe sentimos a presença forte do outro,

mesmo o outro estando ausente,

queremos dividir todos os instantes da nossa vida com o outro, queremos estar juntos 24 horas,

conversar, tocar, sentir.

Então porque quando o tempo passa deixamos tudo isso adormecer, acabar?

Por que deixamos o tempo destruir tudo de bom e belo

que um dia existiu?

Por que duas pessoas que se amaram tanto, casaram por amor permitem que o comodismo e o tempo esfriem aquela "chama" que antes era maravilhosa?

Deveríamos nos conscientizar que o amor deve ser como o "vinho", quanto mais velho, mais saboroso e melhor ele fica, pois o paladar já está muito bem definido.

O amor para conseguir sobreviver tem que se alimentar de pequenas coisas,atenção, carinho, afeto,

participação, cumplicidade.

Como uma planta...deve ser cuidado para que não morra...

Por que esperar uma data especial para dar um presente, se devemos sempre agradecer cada minuto da nossa existência, então não temos dia especial, nosso dia,

são todos os dias, pois cada dia é diferente

e por isso são especiais.

Por que dizer que ama somente quando é cobrado e questionado, se é muito bom para cada um de nós ouvir o outro dizer o quanto somos importantes

e somos amados, isso nos fortalece e nos faz feliz.

Por que deixamos que a paixão se torne beijinhos mecânicos, frios, de despedida e chegada, sem transmitir nenhum sentimento ou emoção?

Por que se deixar abalar, ou aborrecer por pequenos vícios e costumes do outro, que nos irritam, ao invés de sermos tolerantes e compreensivos?

Por que só ligar para questionar ou reclamar alguma coisa,

quando na verdade deveríamos sempre ter prazer em ligar,

e assim falarmos ao outro da nossa saudade, do nosso amor, do nosso carinho, do nosso desejo, e que estamos contando os minutos para estarmos juntos?

Devemos amar total e incondicionalmente, devemos nos entregar de corpo e alma ao amor e a pessoa amada, sentir o toque sempre através de um abraço apertado, de uma carícia, de um beijo, de um olhar, sem nos preocuparmos com o tempo, numa entrega total.

Ligar para dizer somente um "eu te amo" e que essas três palavrinhas sejam ditas de dentro da alma.

Esperar a hora da chegada com um beijo e um abraço

muito especial, para mostrar o quanto aquela pessoa

é importante e única.

Sentar a mesa, mesmo que seja somente para fazer companhia e conversar sobre o dia.

Acordar de madrugada, contemplarmos aquela pessoa ao nosso lado e nos sentirmos felizes e realizados por fazermos parte um, da vida do outro.

Fazer amor sem data, nem hora, nem local pré estabelecido.

Enfim...porque tudo acaba ????

Talvez um dia a gente deixa de ser ESPECIAL para a outra pessoa ....

3 comentários:

Ana disse...

Lindo post amiga!
Olha... não achei a ração humana ruim, estou comendo com danone... parece ter me dado mais energia...
um beijo pra vc amiga! bom final de semana!

Nathália Nabor disse...

É verdade, a gente as vezes se acomoda e esquece de que a outra pessoa também tem necessidades (e vice versa, a outra pessoa esquece de nós). Manter um casamento é provavelmente a coisa mais difícil no mundo, é preciso muita força, muita paciência...
Beijocas e boa semana, amiga, espero que esteja tudo bem!

Nathália Nabor disse...

Oie! Tem selinho para você lá no meu cantinho! Beijocas